É Vantajoso Vender O Imóvel Ou Alugar E Aplicar O Dinheiro?

É a grande dúvida para quem possui um imóvel, hoje é vender ou alugar? Por causa da oscilação da nossa economia nos últimos semestres, devemos ter essas duas opções analisadas e pensadas com muita calma.

Primeiramente temos que conhecerem em qual momento está o cenário econômico e  setor imobiliário. Depois vamos analisar duas situações, para você considerar a melhor escolha, que se enquadrem as suas circunstâncias.

Sempre é preciso avaliar diversos fatores para tomar a melhor decisão. Como:

  • Cenário econômico atual

Todo momento os noticiário convidam especialista alertam a dos desafios que o nosso país enfrenta e a previsão para os próximos meses ainda são desanimadoras.

Um cenário tem que se modificado, por que o mercado passa por uma acomodação de preços. E a economia do Brasil tem desempenhado um índice pouco estimulante desde o inicio deste ano.

É o momento de estudar uma maneira de investir para não sair perdendo, pesquisar a melhor alternativa para fugir de ser prejudicado na crise. Com isso surgem cada vez mais dúvidas e receios de quais caminhos seguir.

Fazer este diagnóstico detalhado dos seus investimentos pode ser a solução para não só conhecer bem o mercado, mas também onde seu está o seu dinheiro. E para perceber as oportunidades ocultas em meio à crise.

  • O Mercado imobiliário

Os últimos anos foram de um grande crescimento no setor e de muitas vantagens para quem gostaria de adquirir um imóvel próprio, com financiamento mais acessível e uma grande procura, teve como consequência aumento no valor dos imóveis.

Hoje aliado a crise financeira está mais difícil conseguir uma concessão de crédito e os juros Selic tornam a aumentar, sem contar o número de inadimplentes, que infelizmente cresce. Para fugir de tudo isso, as pessoas tendem a poupar e analisar com mais cuidado onde e como podem investir o seu tão suado pé-de-meia.

  • Vender x Alugar

Antes de tomar qualquer decisão devemos primeiro analisar todos os fatores, a partir daqui podemos visualizar qual é o melhor caminho a seguir. Mas antes você deve-se perguntar:

1- Quando posso vender meu imóvel?

2- Quando posso investir cobrando aluguel?

3- Quais das duas opções se encaixam nas minhas expectativas?

Vamos simular duas situações para te ajudar. Os gastos para manter um imóvel para venda com exemplos.

>> Situação 1.

Minha casa/apartamento é avaliada em R$: 500.000, mas o quadro econômico como que se encontra hoje, faz o mercado oferece 20% a menos. Além dos gastos referentes a manutenções, IPTU e impostos que giram em torno de R$: 2.500.

Ao final o valor do seu casa/apartamento será de R$ 398.000. Deve ter em conta também, luz, água, energia e no caso de um apartamento as taxas de condomínio.

>> Situação 2.

Se considerarmos, em outro exemplo, uma locação de uma casa/apartamento no valor de R$600.000. Este valor aplicado para investimento lhe renderia 0,5% por mês e 6,9% por ano. Para que ele seja investido em uma renda fixa (0,5%), o valor final para um aluguel ficaria por R$: 3.000. Esta vai ser a renda fixa ao mês que você pode investir.

Agora, analise os valores com base nas situações acima. Se ao final sua renda fixa for inferior a 0,5%, o melhor caso é a venda.

  • Vantagens

A locação de imóveis pode ajudar na contribuição da sua renda, se o seu orçamento está apertado no momento, adie a venda e usufrua da renda fixa que ela pode te trazer.

Se perceber que é uma vantagem vender seu imóvel, se você deseja pode aplicar este valor em outros investimentos, onde a crise ainda não está afetando. Especialistas no ramo acreditam em uma melhoria no setor e que acontecerá uma melhora nos preços dos imóveis.

Avalie o melhor para o seu dinheiro. Pesquise, estude, verifique, consulte as vendas e o valor do aluguel na sua região.

Tudo isso ao final lhe mostrara qual é vantagem para uma melhor escolha. Com essa ajuda a você definir a melhor resposta para está questão.

Quer se informar mais sobre o assunto? Não esqueça se inscreva em nosso newsletter.

Espero que tenha ajudado.

Comentários